Os obcecados por nomes e os Pares Perfeitos

23.7.15


O Nomes e mais Nomes foi pensado para ser um espaço vocacionado para name-nerds mas, à medida que se foi popularizando, foi perdendo um pouco desse obscurantismo. Felizmente, algumas comentadoras habituais continuam a estimular essa vertente e, de vez em quando, sinto vontade de pôr de lado o pragmatismo e de olhar para os nomes através da lente de uma pessoa verdadeiramente obcecada por nomes, regendo-me por regrinhas imperativas, tais como:


  • Número de sílabas tem de ser semelhante. Nomes curtos com nome curtos, longos com longos. 
  • Nomes têm de ter o mesmo nível de popularidade. E quanto menos populares, melhor!
  • Nomes não podem rimar. De. Maneira. Nenhuma. 
  • Nomes têm de ser do mesmo estilo. E remeter para a mesma época. Se tiverem a mesma origem é apenas bónus. Se houver um tema a uni-los é o auge!
  • Se um filho tem um nome composto, o outro também deverá ter. E derramo lágrimas por não podermos escolher três nomes próprios. Ou quatro! O céu devia ser o limite e a Uma Thurman é a nossa deusa suprema!
  • Não há nomes demasiado estranhos. Há apenas falta de compreensão! 
  • Nome de velho é um elogio. Tal como arcaico, empoeirado e "ninguém usa isso!"

É claro que abro excepções para algumas destas regras e, quando estou a acompanhar os leitores durante o seu processo de escolha do nome, sou bem mais relaxada mas, quando estou com o meu nerd mode: On, sou implacável! :) 

E desse lado, quais são as regras mais picuinhas que seguem? E quais são os Pares Perfeitos que vos deixam a suspirar? 


26 comentários :

  1. Todas essas! Também não gosto quando nomes de irmãos têm significados iguais ("luz", "luminoso") ou quando os significados são muito diferentes (um é positivo e o outro negativo).
    Não gosto quando um dos irmãos tem nome literal e o outro não.

    ResponderEliminar
  2. Bem isso é mesmo para obcecados...
    Eu já não gosto de tanta perfeição, gosto de alguma discrepância entre os nomes, até porque os irmãos não são pessoas que combinem dessa maneira, por vezes são mesmo o oposto uns dos outros.
    A mim a perfeição em demasia chateia-me...

    ResponderEliminar
  3. Eu continuo na dúvida! Que nome devo dar à minha próxima filha tendo em conta que já tenho um José Pedro e uma Maria Leonor?
    Maria do Carmo ficava bem?
    Preciso de sugestões....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tendo em conta que os nomes que escolheu já estão muito popularizados escolha outro nome popular e composto,como Maria Luísa ou Matilde qualquer coisa,se bem que Maria do Carmo sempre prima um pouco pela diferença.Dentro desse registo (betinho) prefiro Maria da Luz, Maria do Mar ou Rosarinho.

      Eliminar
  4. Mas também posso ter as minhas regras, não querer pares demasiado combinadinhos afinal também é uma regra certo? Não olho muito para o exterior de um nome mas mais para o interior. Não ligo às sílabas nem ao comprimento e nem às terminações e iniciais. Apenas ao estilo e à sensação que o nome me passa.
    Gosto do par Valentina e Rosa. Para muitos não vai ser perfeito porque um é curto e outro comprido, um tem 4 sílabas e outro 2, um é mais popular, um é literal, mas para mim é perfeito precisamente por isso. Porque são diferentes mas ambos são femininos e românticos e basta terem uma coisa em comum, não precisam de ter isso tudo... vão encaixar em duas irmãs que também elas vão ser diferentes (a Rosa mais sensível e tímida, a Valentina mais extrovertida...quem sabe?)
    Para mim um par perfeito é isto.

    ResponderEliminar
  5. Paula Carvalho, não repita outra vez Maria, sugiro Ana Rita ou Ana Luísa.

    ResponderEliminar
  6. Paula Carvalho, concordo com a Cata, acho que não devia repetir Maria. Mas se gosta assim tanto de Carmo, Ana Carmo é muito fofinho! Ou então pondere a minha primeira sugestão: Ana Clara. Clara e Carmo até são parecidos, apesar de achar Clara mais feminino do que Carmo. Clara partilharia o "l" com Leonor, enquanto que Carmo partilharia o "o" :) Tanto um como outro seriam ótimas escolhas!
    Assim, as minhas sugestões são:

    Ana Clara
    Ana Carmo

    ResponderEliminar
  7. Filipa, fui me rindo muito à medida que ia lendo a publicação! xD Realmente, revejo-me em muitas destas coisas, penso muitas vezes nelas e confesso que algumas são mesmo guias na escolha de um composto! No entanto, acredito que não ganhamos nada em ser fundamentalistas e todas as regras foram feitas para serem quebradas :)

    Um outro critério que considero importante: a internacionalidade! Ser um nome de fácil grafia e pronúncia fora das nossas fronteiras, dado vivermos num mundo progressivamente menos delimitado! Porém, o contrassenso humano impera, porque dois dos meus nomes masculinos preferidos são exatamente Ary & Noé :p

    ResponderEliminar
  8. O meu par perfeito, se vier a ter duas meninas, é Olivia & Elvira :)

    Mariana

    ResponderEliminar
  9. Viram esta notícia? Trigémeos: Isaac, Laura & Victória, filhos de pais portugueses e Kiril, Dária & Alexandra, filho de pais ucranianos!

    Três partos de gémeos e dois de trigémeos obrigam a reforço hospitalar

    ResponderEliminar
  10. Isso tudo. :)

    Os nomes dos meus filhos têm todos o mesmo número de letras. Remetem para a mesma época histórica. Não rimam (que horror!!!).

    Não gosto de nomes compostos (há excepções, mas poucas), só têm um cada um.

    São nomes de família. De gerações para trás, mas são. Gosto desta ligação.

    ResponderEliminar
  11. Paula, sugiro:
    José Pedro, Maria Leonor & Ana Beatriz
    José Pedro, Maria Leonor & Ana do Carmo
    José Pedro, Maria Leonor & Ana Laura
    José Pedro, Maria Leonor & Ana Maria
    José Pedro, Maria Leonor & Ana Rosa
    José Pedro, Maria Leonor & Ana Teresa

    Sendo os meus preferidos Ana do Carmo e Ana Rosa.

    ResponderEliminar
  12. Filipa, este post poderia ter sido escrito por mim! Assim que li o post percebi que sou de facto obcecada por nomes. As regras que escreveu são exatamente as mesmas que eu tenho em conta, e acredite que é raro ver pares mesmo perfeitos! Eu sou muito curiosa em relação aos nomes, quando sei que alguém vai ter uma criança a primeira coisa que faço é perguntar o nome! Só faço um alteração em relação ao que escreveu: eu, pessoalmente, aceito que uns filhos tenham nomes compostos e outos não desde que o conjunto seja à volta das mesmas letras e que tenha mais ou menos o mesmo comprimento, como por exemplo Ana Rita e Catarina.

    ResponderEliminar
  13. Lavínia e Caetano
    Lavínia e Teodoro
    Maitê e Heitor
    Heitor e Álvaro
    Teodoro e Caetano
    Giorgio e Gabriela
    Gregório e Eugênia

    ResponderEliminar
  14. Enquanto leitora assídua, vejo o blog quase todos os dias, revejo me neste comportamento menos na parte dos nomes compostos: não me importo de ter um filho/filha com um nome composto e outro que não tivesse um nome composto. No entanto, acho que nessa lista falta "os nomes não podem começar pela mesma letra" pois o meu filho é Tomás e ponderei seriamente o nome Teresa para a minha filha, mas no final ficou Maria Leonor, lá está um não composto e outro composto.

    ResponderEliminar
  15. Muito obrigado a todos pelas sugestões que deram ao meu comentário.
    Também gosto muito de Ana Maria do Carmo, mas fica um composto maior que dos irmãos....

    ResponderEliminar
  16. - Também gosto de nomes com a mesma quantidade de sílabas, apesar de não fazer disso uma regra.
    - Nomes de velho, YES!
    - Meus filhos têm nomes compridos (Benjamin e Constança), mas provavelmente um terceiro(a) possa ter um nome de 6 letras (mas continua sendo trissilábico).
    - Nomes começando com as mesmas letras, jamais! Foi basicamente por causa disso que Constança não veio a chamar-se Branca.
    - Nomes que remetam à mesma época eu acho legal. Mas seria interessante um toque de modernidade, desde que não brigue tanto com o nome dos outros irmãos.
    - Cafonice minha, mas como já tenho um filho de inicial B e uma filha de inicial C, seria legal alguém de inicial A. Easy as 1, 2, 3. Ahahahaha!

    ResponderEliminar
  17. Oi,eu sou essa tipo de pessoa obcecada por nomes eu tenho 17 e ainda muito nova fico pensando nos nomes que colocarei no meus futuros filhos kkkk,sério!E agora estou procurando nome de menina de menina e menina ,nesta ordem que tenham o significado de alegre,feliz,meiga e inteligente,menino protetor,carinhoso e é extrovertido e a outra menina o mesmo da anterior.É...é quero ter três filhos,mas não queria,Sophia,Sophie,Isabela,Isabela e Marjorie acho bonitinho este último,só que o significado é que gosta de mudar,mais ou menos isso.E para menino não queria Guilherme(acho bonito,mas já conheci um guilherme e também minha mãe não sabe pronúncia muito bem o nome )e miguel,pedro Henrique.Então você pode me ajudar nisto?

    ResponderEliminar
  18. Boa tarde. Adorei o post. Muitos parabéns pelo blog.
    Será que me podiam ajudar?! já tenho uma filha chamada Maria Carolina e gostaria de sugestões de nomes tanto para rapaz como para rapariga para o irmão/irmã que há-de vir.

    Muito obrigado!

    ResponderEliminar
  19. Assim como se deve programar a quantidade de filhos também é importante pôr em discussão os critérios a ser estabelecidos para a escolha de nomes. Mas poucos se dão conta da importância da escolha de nomes e, por isso, se atrapalham todas as vezes que nasce um(a) filho)a). A falta de critérios resulta em escolha desastrosa, alvo de crítica negativa, principalmente quando se trata de famosos que, obviamente, o público tende a esperar nome compatível com o nível de formação, logo no comunicado do nome do primeiro filho(a); e nos demais nomes, esperam que haja harmonia entre si. É só ler os comentários...

    ResponderEliminar
  20. Gosto e concordo moito cas regrinhas.
    Eu som espanhola e o meu marido Portugués.
    Temos unga filhota chamada Dafne e vem un irmão de caminho.
    Que sugestiões tendes?
    Porque os que som lindos em Portugal não gostam em Españha e viceversa...
    Eu gosto mais dos nomes portugueses e de Portugal tudo...
    Ja tenho alguns preferidos pero e melhor não decir para não entorpecer nas vossas ideas.
    Logo direi :D

    ResponderEliminar
  21. Elena,

    Com a letra inicial "D":
    Dario

    Nomes mitológicos, que nem Dafne:
    Inti
    Ravi

    ResponderEliminar
  22. Elena, estas seriam as minhas sugestões:


    Dafne & Abel
    Dafne & Bento
    Dafne & Dinis
    Dafne & Fábio
    Dafne & Gaspar
    Dafne & Nuno
    Dafne & Rúben


    ResponderEliminar
  23. Ahahahah lindo!!! Tb tenhobregras e acho piada a tê-las. Dado ser Mafalda e num colégio de 2500 alunos ter sido única durante muitos anos (havia Ana Mafalda mas tb não eram muitas) gosto de nomes fortes, tradicionais, compridos e raros, pouco comuns. E agora ando com dificuldade para se me vier mais uma ou duas raparigas, gosto muito de Carminho, mas Carminho mesmo, no entanto não é aberto e forte... Ando a aprender a gostar de Máxima mas não me parece muito português... Help me!!!

    ResponderEliminar
  24. Adorei este artigo e concordo com todas as dicas. Também eu ando agora na procura dum "par perfeito" para a minha filha mais velha, Letícia. Vamos ter um menino e estamos a pensar em Francisco. O que acham? Outras sugestões. Preferimos apenas um nome e não composto. E depois temos de considerar como será pronunciado em inglês, visto estarmos neste momento no estrangeiro. Muito obrigada pela ajuda!

    ResponderEliminar

Com tantos nomes à escolha, vai mesmo ser apenas Anónimo? :)