Paloma

28.3.14


Paloma deriva do latim "palumba" e significa pomba. Paloma é, aliás, a palavra espanhola que designa a ave, o que nunca foi impedimento para o seu uso. Hoje em dia não é um dos nomes mais populares em bebés, mas é um nome perfeitamente comum entre as mulheres latinas. Em Espanha, por exemplo, a idade média das Palomas é de 34 anos. Em Portugal, onde não se coloca a questão do significado literal, o seu uso não é nada frequente - 15 registos como primeiro nome em 2013, oito como segundo nome; quatro registos em 2012 e oito em 2011 - mas acho que no Brasil tem um pouco mais de expressão.
A meu ver, estamos perante um nome muito delicado e feminino, com uma simbologia bonita, que remete para a Paz. E ainda que me seja difícil de o dissociar da língua espanhola, acho que não se afasta demasiado dos nomes portugueses mais habituais.
Fiquei um pouco surpresa com a minha própria sugestão, mas foi dos nomes que mais gostei de ver associados a Noah, reconhecendo, todavia, que é um par improvável.

O que acham de Paloma?

[Post atualizado] 

36 comentários :

  1. Conheço uma Paloma com cerca de 12 anos :)

    ResponderEliminar
  2. Já aqui falei da única Paloma que conheço, aí com uns 2 ou 3 anos. Irmã da Salomé que me explicou toda contente que o nome dela e da irmã têm o ALOM central igual, só se mudando a primeira e a última letra. (:

    ResponderEliminar
  3. Gosto :)

    é diferente..fica bem Paloma irmã de Débora?

    ResponderEliminar
  4. eu adoro Paloma, conheço duas Palomas de 8 anos e 3 anos.
    Paloma Margarida 27.10.2005
    Paloma Alexandra 11.08.2010 ambas tem irmãos a primeira um irmão: Rúben Francisco de 11 anos e a segunda tem uma irmã nascida em 2 de Setembro deste ano a Kelly Catarina

    ResponderEliminar
  5. bom nome para o meu próximo filho!!! tenho já o Daniel e a Aléxia de 6 e 4 anos. se tiver outro filho será Paloma ou Igor

    ResponderEliminar
  6. Assim não dá Filipa, ainda vai acabar por revelar todos os meus nomes favoritos e quando tiver filhos vou ver-me a rasca se se tornarem populares xD
    Paloma faz parte do meu lote de nomes favoritos, e não estranho em nada a vê-lo associado a Noah já que é provavelmente o meu nome favorito para rapaz.
    Os dois lembram-me calma, paz, serenidade, não fossem esses os seus significados :)

    ResponderEliminar
  7. Quem viu a novela "Amor a Vida" vai preferir dar um tempo nesse nome.

    ResponderEliminar
  8. Paloma não se usa no brasil há tempos, e que fique enterrado

    ResponderEliminar
  9. Olá.

    Acho que é daqueles nomes a que uma pessoa se habitua se conhecer alguém assim chamado. Não tem sons agressivos e ganha por ser pouco comum. Ainda assim, não se pode dizer que goste, talvez pela terminação em "oma". Mas é, decerto, melhor que Paula e que outros nomes com P.

    ResponderEliminar
  10. É bonito. Tem uma conotação religiosa por causa do significado "pomba"; esta ave representa o Espírito Santo.

    ResponderEliminar
  11. Nasceu a sobrinha da Carolina Patrocinio. De acordo com o instagram do marido chama-se Pureza. Este sim, vai de encontro ao que esperava.

    ResponderEliminar
  12. Se ela já tinha um Mateus, esperava Pureza? Pois desta é que eu esperava outra coisa. É que não tem nada a ver Pureza com Mateus. Estas Patrocínio não sabem escolher nomes, nem fazer pares perfeitos para irmãos e primos.
    Mateus - Diana - Pureza 3 nomes completamente diferentes.

    ResponderEliminar
  13. Pureza, a sério?! Também não esperava, por se distanciar tanto de Mateus em termos de estilo... Mas vai mais ao encontro daquilo que tinha em mente do que propriamente Diana...

    ResponderEliminar
  14. Eu adoro Paloma! E a menina da imagem e linda também :)

    ResponderEliminar
  15. Pureza? Mas isso pode ser usado como nome próprio? Nem sabia! Soa-me a estranho, para não dizer ridículo, alguém chamado Pureza. Já agora também Lindeza, Clareza, Franqueza...
    Já para não falar que é um adjetivo demasiado forte, quer dizer, não é como Clara, ou Bela.. Puro é algo absolutamente limpo, inocente, virgem!
    Pobre criança.

    ResponderEliminar
  16. Paloma acho lindíssimo, mas abstraio-me completamente do significado em Espanhol. Pensando só em Paloma, adoro. Mas chamar alguém de Pomba, faz-me imensa confusão...

    ResponderEliminar
  17. Concordo em absoluto com o comentário da Joana acerca do nome Pureza... não entendo a beleza deste nome e o adjetivo é mesmo forte.

    ResponderEliminar
  18. Paloma é bonito, diferente q.b.!

    Já Pureza.... não tem nada a ver com Mateus nem com Diana, no mau sentido. Parece-me daqueles nomes tipo Benedita - a puxar pelo lado religioso - mas pior. (e eu nem gosto nada de Bendita, portanto vejam ahahah

    ResponderEliminar
  19. Paloma, talvez me habituando gostasse, mas assim á primeira fico de pé atrás.


    Pureza: Sinceramente é dos pares mais estranhos que já vi dos filhos dos famosos nacionais e internacionais.
    Mateus e Pureza é como água e vinho.
    Os brasileiros devem ter tido um ataque de riso. Sim, porque para mim Mateus é e há-de ser sempre brasileiro. Não de origem ou assim, mas porque importamos o seu uso do Brasil (como tantos outros). Mas eu adoro o nome, e muitos outros "importados". Simplesmente nada tem a ver com Pureza e NEM o Maria a seguir o torna um nome desses de "chiqueza", aliás, Mateus Maria, tb deve causar algum riso aos nossos amigos brasucas.
    E Diana no meio, claro...nada, nada a ver!
    Mas Pureza é um crime, simplesmente não é usável!!!

    ResponderEliminar
  20. A do blog da Carlota também vai ter uma Pureza... Tá visto que é Super Bem!!!!

    ResponderEliminar
  21. lolol se ficam horrorizadas com Pureza imaginem 3 irmãs, de 5, 7 e 9 anos e são elas: Maria da Pureza, Maria dos Prazeres, e Maria Mercês
    Pares perfeitos lolol
    A do meio é tratada por Prazeres, mesmo
    Ninguém merece :o)

    ResponderEliminar
  22. Creio que antigamente só se podia usar Pureza no conjunto Maria da Pureza mas agora pode ser usado como único nome.

    A quem se interessa pelo assunto, façam uma pesquisa no site GeneAll.net por Pureza e vejam os apelidos que se lhe seguem.

    ResponderEliminar
  23. Pois, Filipa... Só apelidos "de ouro". Sem dúvida que é um nome super tendencioso, antigamente apenas atribuído a meninas de famílias com berço, poder, "bem", enfim o que quiserem chamar.
    Hoje, é muito pouco escolhido já que pelo que vi os registos não passam de 2 ou 3 nos últimos 3 anos. Ainda bem! Não acho que seja um bom nome. E a Filipa o que acha?

    ResponderEliminar
  24. Do latim Palumba, "filhote de pombo selvagem". Foi incorporado pelo cristianismo como símbolo do Espírito Santo. Outras formas: Paloma (espanhol); Columba (francês); Colomba (italiano); Colum (inglês).

    Para quem não sabia, os nomes próprios são elencados no Dicionário Onomástico, pelo simples fato de que não são traduzidos. Isso ocorre para evitar que se chamem Paloma de pomba e Cecília de cega, por exemplo.

    ResponderEliminar
  25. Ai a do blogue da Carlota está a pensar chamar Pureza à filha? Pureza é o novo nome "de bem"? Até faz sentido... é feio, ao menos só quem quer parte "do clube" o usa :)

    ResponderEliminar
  26. Ah, gostei de Pureza. Nunca tinha pensado que poderia ser um nome de pessoa (rs). Achei massa! Pra mim, se assemelha a Catarina e Cora (quanto ao significado, claro).
    Contudo, concordo com a colega: a maioria dos brasileiros chorariam de rir ao se deparar com um nome desses. Já Mateus se tornou um clássico por aqui: nunca sai de moda!

    ResponderEliminar
  27. Não desencorajaria o uso de Pureza mas penso que está inserido num lote de nomes para os quais ou se está propenso ou então parecem escolhas inimagináveis.
    O som de Pureza aproxima-se de um nome que adoro, Teresa, então não me faz confusão ouvi-lo. Além disso, acho que cria uma imagem mental bonita, à semelhança do seu significado. Acho que gostaria mais dele se fosse possível associá-lo a um diminutivo, mas não estou a ver nenhum...
    Posto isto, tenho alguma dificuldade em imaginá-lo num bebé mas, lá está, os bebés crescem... :)

    ResponderEliminar
  28. Foge..a sério?? Há pessoas tão que comentam "Pobre criança" por causa de uma menina se chamar Pureza???????? Eu fico estupefacta com certas coisas que li aqui. Há 15 anos atrás Martim também era (segundo a vossa perspetiva limitada) nome "de bem", limitado a família "chiques" e que comummente era sobretudo nome para cão e gato. Agora é vê-los florescer como ervas daninhas por aí..e longe de "pobre criança" (era bom que fosse o nome que ditasse felicidade ou infelicidade de alguém), parece muito mais ridículo chamar Martim a um filho nos dias que correm (quando 1 em cada 3 rapazes se chama Martim)...sabem qual é o objetivo da "taxonomia" de Linneus?? È que o nome sirva exatamente para diferenciar..mas com as epidemias das pessoas que vão em modas e não têm um gosto próprio, vivemos numa sociedade em que numa turma de 30 alunos, 80% partilham os mesmos 5 nomes.
    Pureza soa-vos estranho porque não estão habituadas..assim como Martim vos soaria ha uns anos atrás, e assim como alguns nomes que apareceram na votação dos favoritos atualmente eram há uns anos gozados (o nome da minha filha recolhia o mesmo tipo de comentários e agora, as mesmas pessoas que os faziam, usam-no, e o nome está em todo o lado: novelas, marcas de roupa, etc...).

    Intelectualmente acho que é fácil atingir que esta coisa dos nomes é uma questão de hábito...e que esta "não gosto" mas passado 3 anos "já gosto" porque todos gostam denota um bocadinho a falta de "pensar próprio" de muita gente.

    De certeza que as Purezas desse Portugal serão mais felizes que os Martins e as Matildes..e não, não é por serem de bem, é que a amostra de Martins e Matildes é tão maior que a probabilidade de haver infelizes com esse nome é abismalmente maior.

    ResponderEliminar
  29. Caro anónimo ,

    Primeiro gostava que me indicasse onde é que está escrito que uma Pureza vai ser infeliz. Já li e reli, e não vi ninguém dizer isso, mas posso ter visto mal.
    Eu disse "pobre criança" porque tenho a certeza que a Pureza vai sofrer com este nome. E não é por ser "de bem" é pelo significado literal do nome. Não há hipótese, a vida é assim, o mundo é assim, e durante a vida em algum momento alguém vai gozar com o nome. Mas principalmente, quando ela tiver uns 12/13 anos, essa fase tão atribulada da vida, na escola. Eu trabalho com pré-adolescentes e sei o quanto podem sofrer se tiverem um nome deste género. Eu sei que uma criança pode ser gozada por qualquer coisa, mas os pais não podem prever o quê. Mas com um nome destes, podem prever e podem evitar. Martim não pode ser comparável com Pureza, porque Martim não tem nenhum significado literal e forte como este e não é tão propenso a xingamento.
    Eu não acho que um nome vá decidir se a pessoas vai ser infeliz ou não, mas se se vai sentir incomodada, chateada em algum momento da vida por ter aquele nome sim, e acho preferível a criança ter um nome muito comum e ninguém a chatear do que ter um nome muito diferente e ser alvo de gozo. E eu não penso se o nome se vai tornar popular e se daqui a 20 anos o vão achar normal, eu penso no presente e no presente não é um nome bem aceite.

    ResponderEliminar
  30. A do blog da Carlota vai ser Carminho... sempre é melhor que Pureza

    ResponderEliminar
  31. Caro/a Anónimo das 11:22,

    Credo, tanta amargura que para aí vai. Ia explicar-lhe a diferença entre nomes como Martim e Pureza, mas a Joana já o fez. Concordo consigo que é uma completa falta de individualidade que 80% das crianças tenham os mesmos 5 nomes, mas, ao contrário de Pureza, não é o nome em si o 'problema', mas sim o seu contexto (neste caso, a extrema popularidade).
    Pureza tem um significado tão literal que é difícil imaginá-lo numa mulher que não seja pura, serena, ingénua. E se ela crescer e não for nada disto, e não se identificar de todo com o seu nome?
    Tal como Felicidade, Esperança, Liberdade, etc, Pureza é uma palavra bonita com um bonito significado, mas, na minha opinião, tem uma carga muito pesada quando usado como nome próprio, o que não contece com nomes com Martim ou Joana, como deve conseguir perceber.
    Cada um deve poder dar aos filhos o nome que quiser e que tiver mais significado para si, mas também devemos todos ser livres de dar a nossa opinião sobre o assunto, ainda para mais num blogue que vive da discussão em torno de nomes próprios.

    ResponderEliminar
  32. Entendo a sua perspetiva mas é exatamente esse tipo de perspetiva que gera o preconceito. O meu nome é banalíssimo e os miudos quando queriam implicar implicavam na mesma. Até havia musicas infantis a "gozar" com os nomes (e era com os nomes banais). A educação que passamos aos nossos filhos, a par claro da maneira de ser que lhes é intrinseca, ditará muito a forma de lidar. A vida é tão longa... Alias, ter um nome diferente tem vantagens, as pessoas reconhecem o individuo, sabem quem é, fixam-no logo. Não é estilo: qual Joao?, o Joao X, ou Y, o Z ou aquele que usa as calças assim... E isso tem vantagens, fixarem-nos facilmente. Na vida académica, na vida profissional,na vida pura e simplesmente, isso é importante. Essa visão é tacanha, e os pais com essa visão vao com comentarios soltos aqui e ali gerar em casa os tais filhos que se vao cansar com brincadeirinhas parvas com o colega que tem o nome peculiar. Segundo a sua perspetiva a forma de lidar com o preconceito é evitando-o?? Bem, então o mundo não evolui!! Vou abandonar o meu namorado de cor para que o meu filho não se sinta vitima de preconceito; vou pedir ao meu marido para não passar o seu apelido ao filho e ele ficar só com o meu porque "coelho pina" pode gerar brincadeiras, ou então escolho outro namorado para procriar (isto é tom de brincadeira:) exagerado, mas é para passar a lógica). Assim só está a alimentar o preconceito, assim como estão a atitude de rebanho da população na escolha do nome dos filhos.

    Ja sei, o mundo está cheio de gente que conhece amigos que se suicidaram por causa do nome, e só o meu é que deve ser constituído por gente que ficou na memória de todos os colegas mesmo decadas depois porque era o unico com aquele nome, nome esse que gerou uma brincadeirinha que nada influenciou a vida dessa pessoa (e provavelmente muito menos brincadeiras do que n crianças com nomes banais que simplesmente eram alvos mais faceis), nome esse que foi cartao de visita na vida profissional, etc. O tempo que dedicamos a pensar que "nao devemos fazer aquele corte de cabelo à minha filha; nao lhe devo vestir aquele laço, porque vao gozar" se o dedicassemos a tentar fortalecer a forma como se deve lidar com esse tipo de abordagens, encarar a vida...criar mundos onde se evitam nao so os maus acontecimentos como as futilidades gera gente que à minima dificuldade/brincadeira ficará frustrado.

    ResponderEliminar
  33. Cara anónima: use nomes incomuns à vontade - creio que a maior parte dos leitores deste blogue também o aconselharia. Mas há nomes raros tão mais bonitos que Pureza.... ;)

    ResponderEliminar
  34. Paloma acho lindo conheço uma menininha de 18 meses com esse nome ela é brasileira.

    ResponderEliminar

Com tantos nomes à escolha, vai mesmo ser apenas Anónimo? :)