Nomes populares portugueses no ano de 1950 - versão feminina

4.6.11


Há pouco tempo, escrevi num comentário que o hábito de entregar a escolha dos nomes dos bebés aos padrinhos, ou então o hábito de nomear as crianças em homenagem aos padrinhos/pais fez com que os nomes se mantivessem os mesmos durante algumas décadas. A lista de hoje, que agrupa os nomes femininos mais usados em 1950, mostra isso mesmo: em trinta anos, pouco mudou; Elisabete e Anabela deram um grande salto, houve algumas entradas novas (mas não muitas) e o top 3 manteve-se inalterado. Não surpreende - Ana e Maria ainda hoje são muito populares - mas não esperava que Rosa se mantivesse firme em terceiro lugar... 


 A coluna da direita corresponde à posição que cada nome ocupava em 1920. A cor azul corresponde aos nomes que mantiveram a posição; o verde aos que subiram e os vermelhos aos que desceram no ranking...





1950Posição em 1920
1Maria1
2Ana2
3Rosa3
4Isabel13
5Fernanda28
6Emília4
7Teresa10
8Deolinda5
9Margarida7
10Laurinda20
11Luísa34
12Arminda14
13Gracinda23
14Lucinda21
15Laura18
16Palmira15
17Mariana9
18Idalina38
19Irene31
20Alzira12
21Amélia11
22Helena51
23Isaura22
24Ermelinda30
25Júlia6
26Lídia57
27Antónia16
28Elisabete289
29Alice8
30Lúcia120
31Olívia32
32Olinda40
33Celeste25
34Aurora17
35Elvira29
36Alda54
37Lucília59
38Natália79
39Filomena85
40Virgínia26
41Conceição19
42Aida63
43Carolina37
44Beatriz27
45Marília164
46Adelina36
47Florinda43
48Elisa35
49Cidália192
50Hermínia44
51Rosalina46
52Anabela475
53Glória45
54Adelaide24
55Cecília72
56Custódia42
57Esmeralda70
58Olga145
59Francisca33
60Guilhermina41
61Cândida50
62Silvina49
63Rita48
64Noémia69
65Otília95
66Isilda106
67Leonor76
68Judite77
69Almerinda80
70Delfina53
71Carminda71
72Odete125
73Matilde65
74Angelina47
75Dulce157
76Etelvina61
77Julieta 62
78Graciete278
79Joana60
80Madalena 97
81Eugénia64
82Catarina52
83Manuela124
84Georgina82
85Graça249
86Elsa234
87Gertrudes39
88Eva129
89Belmira58
90Zélia197
91Aldina231
92Clementina75
93Luzia86
94Felismina74
95Josefina83
96Alcina99
97Felicidade67
98Leopoldina96
99Eulália116
100Cármen147



Para terminar, volto a referir que os dados foram retirados da base de dados do site da SPIE, sem que eu tenha absoluta certeza da sua fiabilidade.

12 comentários :

  1. Ahh q delícia :D eu bem achava que Anabela iria aparecer nos 100... Mas pelo que vi no site do SPIE, o grande pico de Anabelas é mais tardio... Smp achei que era uma loucura dos anos 50, pq a minha mãe (Anabela de 1958) quando andava na primária, na turma dela havia mais umas 6 ou 7 Anabelas... E tb aparece o nome da minha tia (1955) Aldina... agr espero pela lista masculina, ah e pela de 1980, acho que essa vai ser completamente diferente, embora me pareça que Maria continue a ser o nome mais usado ;)

    ResponderEliminar
  2. O ranking dos meninos ainda vai demorar uns dias porque ainda não o comecei ;( Mas vai sair!!!
    Eu não tinha noção da popularidade de Anabela, foi uma surpresa; não me espantaria que daqui a dez anos fosse novamente popular..

    Reparei também que as duas grandes tendências das terminações eram "ina", com 17 nomes e "inda", com 10. Não sei explicar, e é até contraditório porque em 1920 o cenário era exactamente o mesmo, mas hoje acho "ina" romântico e acho "inda" mais antigo... ;D

    ResponderEliminar
  3. Não passa despercebido: as "indas" e as "inas" eram tendência!
    Contem 10 "indas" 16 "inas"!

    ResponderEliminar
  4. Bem, que sintonia!!!... Juro que quando abri a caixa dos comentários ainda não tinha este teu comentário sobre as indas e inas, só quando enviei o meu o vi :D (até porque está com 1 min de diferença) LOL

    ResponderEliminar
  5. Realmente têm razão da quantidade de inas e indas ;) em relação às Anabelas, parece que não acredito muito que volte a estar na moda... mas há uns anos tb nng acreditava que voltassem as Matildes e outras...

    Quando tiver uma filha (se tiver) quero que seja Belinha como a minha mãe, mas acho que mais facilmente meto Bela do que Anabela... Qual prefere?

    ResponderEliminar
  6. Palvras para quê?! Mais um trabalho maravilhoso! Apenas uma pequena correção: a posição ocupada pelo nome Lúcia deveria estar a verde e, não a vermelho, dado que, subiu do lugar 120 para o número 30. De resto, estou em pulgas pela comparação com os dados de 1980 e também pelo ranking dos nomes masculinos. Bjs

    ResponderEliminar
  7. Calíope, obrigada pela correcção! Já tenho os dados femininos de 1980, mas queria apresentar primeiro os masculinos de 1950... :D

    Sónia, a C* dizia há pouco tempo num comentário que não gosta de diminutivos... Pois eu cada vez gosto mais :D e gosto de Bela mais como diminutivo, mas acho bonito como nome próprio!

    Rita, foi mesmo engraçado,e deve ter sido uma questão de segundos, porque quando fiz refresh, já estavam os dois comentários iguais :D

    ResponderEliminar
  8. Finalmente,achei o SPIE! Não consegui achar do modo que a Calíope descreveu.Sabendo o nome do site,fui no google portugal (achei que não acharia no google brasil).Digietei SPIE.Não deu nada.Depois "SPIE nomes".Cliquei na primeira página.Vi que o meu Isabela não foi registrado até 1955.O pico foi de apenas 17 registros em 1975.Não era muito popular na minha época no Brasil.Meu pai se inspirou na Isabella Rosselini.Quando era criança,até os 5 anos,achei que fosse na Isabela Garcia (e3la é uma atriz conhecida no Brasil.E aí,na terrinha?)

    ResponderEliminar
  9. Isabela, se me tivesses mandado um email eu enviava o link :D

    A primeira vez que ouvi Isabela foi exactamente na novela brasileira "O sexo dos Anjos" - personagem desempenhada pela actriz Isabela Garcia. Nunca conheci nenhuma Isabela portuguesa, nem mesmo agora, que está tão na moda pelo mundo fora.

    Em português de Portugal, a sonoridade de Isabela é muito parecida com Isabel (dito rapidamente, é difícil perceber a diferença), e como Isabel não é muito popular nos dias de hoje, suponho que é isso que afasta os portugueses desse nome. Pessoalmente, não me importava que metade das Leonores fossem Isabelas :D

    ResponderEliminar
  10. Eugénia está no top 100! A minha mãe nasceu em 1959 e nunca gostou do nome, mas pelos vistos, na altura não era assim tão invulgar!Quem diria, Eugénia mais popular que Manuela!

    ResponderEliminar
  11. A minha mãe é Anabela (nasceu 1965) e não gostava nada do nome e era conhecida como a Belinha, na adolescência a mha tia pra brincar com ela começou a chamar lhe Becas k ficou ate hj ha mtas pessoas k acham k ela é Rebeca. Em relação as Isabelas, eu conheço 2 uma ja terá uns 35 anos e outra 4 anos, a Isabela pequenina a mae é Anabela e keria um nome parecido com o dela, penso k foi uma boa opção.

    ResponderEliminar
  12. Adoro os nomes Anabela e Elizabete.
    E muito boa a postagem!
    Obg, presisava dos nomes
    valeu!

    ResponderEliminar

Com tantos nomes à escolha, vai mesmo ser apenas Anónimo? :)