- Filhos dos famosos internacionais -
Será Leonardo?

26.1.11


De acordo com a Hola, já nasceu o menino de Penélope Cruz e Javier Barden. Será que o casal vai optar por um nome espanhol ou um nome comum nos EUA? A criança nasceu em Beverly Hills e terá dupla nacionalidade.
Hugo, Samuel, Lucas e David são nomes comuns na Espanha, mas que seriam perfeitamente assimilados nos EUA. Ou será que irão escolher um nome ao estilo de Lyonce? O casal é muito reservado, mas nunca se sabe...
Deste lado, estou em pulgas. E desse, algum palpite?

Actualização: ao que tudo indica, o bebé chama-se Leonardo. 

9 comentários :

  1. Enquanto Penelope e Javier não anunciam a sua escolha, anuncio eu as minhas :)

    Aviso! O post vai ser bastante grande!!

    Ora bem e cá está! Ainda não sei se é rapaz ou rapariga, mas começarei com os nomes de menina.
    Existem certos padrões na minha família quanto ao nome da primeira menina. Ou se tem o meu nome (já sou a 4º!), ou se tem os iniciais A.M./M.A. devido a um medalhão que também está na família há 5 gerações. Como sou uma típica inglesa que gosta de história, queria de dar continuação a esta tradição. (E quero assegurar o medalhão pois é lindo!) :)) Cá vão as escolhas que ambos eu e o futuro pai gostamos:
    Alice – a original dona do medalhão. Acho doce, engraçado, forte e funciona perfeitamente nas duas línguas. Minha única preocupação é se vai ser muitíssimo popular nos próximos anos.
    Ariadne/a – gosto muito da mitologia grega, e tenho um fraco por este nome, mas será que as pessoas vão pensar que é Adriana mal escrito!?
    Astrid – outro que gosto, mas associo aos países escandinavos. E a criança será luso-inglesa. Mesmo assim, é uma possibilidade.
    Aurora – tenho um fraquinho enorme por Aurora. Na minha língua, é romântico e bastante chique. Cá não sei, só ouvi falar de dona Aurora's velhinhas. Mesmo assim, adoro o significado do nome e a alcunha Rory/Rorinha :)
    Aurélia – em homenagem à avó do meu parceiro. Gosto da sua história e significado, e acho bastante elegante, mas se o disser repetidamente, admito que oiço “orelha”.
    Ava – acho bonito, curto e bastante raro em Portugal. Mas na Inglaterra é hiper comun. Será que o mesmo venha a acontecer cá nos próximos anos?
    Maeve – pronuncia-se meive, e é irlandês (de onde toda a minha família é originalmente). A Maeve era uma rainha muito poderosa, e o nome dela quer dizer intoxicante. Acho muita piada como segundo nome. Alice Maeve? Aurora Maeve?
    Miriam – o meu parceiro é que gosta muito deste nome, como alternativa à Maria. Também acho bonito, e gosto das possíveis alcunhas: Mimi, Mimos, Mira, Miri, etc..
    Matilde – gosto tanto de Matilde/Matilda, mas é demasiado popular de momento. Enfim.
    Mia – acho bonito, mas estou a ver este nome a ser muito popular, e tenho duas colegas que chamaram isto aos seus gatos!
    Margaret/Margarida – Outro nome de família, de ambos os lados. É uma hipótese.

    Gosto muito destes nomes celtas/ingleses, mas cá em Portugal não sei: Imogen, Oona, Rowan, Ivy, Harriet, Orla, Roisin, June, Finula, Genevieve, Esmé, Gwendolyn.
    E cá estão umas hipóteses não M.A/A.M. que ambos gostamos: Clara, Íris, Francisca, Isidora, Eva, Dalila, Lídia, Julieta, Edite, Octávia.

    ResponderEliminar
  2. Quanto aos meninos:

    Queríamos um nome que fosse aceitável em ambas as línguas. O segundo nome vai ser John, em homenagem ao meu pai falecido. Pensamos bem em João, mas os ingleses matam-no com a sua pronúncia, enquanto todos os portugueses pronunciam bem John :)

    Benjamin – acho este nome tão bonito e perfeito, mas o meu parceiro disse me que lhe parecia pretensioso!?! (homens!!!!) Em inglês é um clássico, cá raramente o oiço.
    Artur/Arthur – Gosto da história do nome, e mais uma vez, é um clássico.
    Nicolau – o meu parceiro gosta muito da ideia de ter um Nico, e também acho piada, mas não o adoro.
    Frederick/Frederico – Ambos gostamos, apenas não sabemos se haveria de ser Frederick, ou Frederico. Honestamente, não queria muito que o seu nome acabasse em “O”, por ser tão latino.
    Tobias – Achamos piada, e gosto muito dos diminutivos Tobey/Tobim.
    Theodore/Teodoro – mesmo dilema de Frederico/Frederick.
    Henry – um dos meus nomes favoritos em inglês, mas não gosto tanto de Henrique, por ter conhecido um que era muito mau.
    Leo – adoramos o nome Leo, mas será que é meio nome? Com Leonardo, parecia que estariamos a imitar Leonardo di Caprio, e Leonard, hmm... gosto muito do Cohen, mas não sei.
    Francis/Francisco – nome de família. Amo e ambos são clássicos, mas é o mesmo dilema de antes.

    Outros nomes que gostamos: Xavier, Joaquim, Samuel, Ivo, Caio, Gabriel, Lázaro, Vasco, Nataniel.
    Alguns nomes que gosto muito, mas cuja pronúncia os torna impossíveis são: Fergus Seamus, Oisin, Rufus, Ralph.

    ResponderEliminar
  3. E lá estão! Esses são para já as nossas escolhas, e não são poucas. Sempre admirei as pessoas que têm os nomes dos filhos escolhidos desde de sempre, mas eu não. Fora alguns, os meus gostos diferem todas as semanas. Mas quero muito ouvir a sua opinião, ideias para possíveis combinações, e mais sugestões. x

    ResponderEliminar
  4. Caríssima Kate Bee: com duas listas desta categoria, não sei como conseguirão escolher! Adoro praticamente todos os nomes! Resposta a quente: escolheria Ariadne e Frederick John.
    Adoro Ariadne, acho maravilhoso e é muito raro!

    ResponderEliminar
  5. Boa Noite amigos gostaria de uma opinião,queria que vcs me falassem qual nome combina com Vitório ?
    Grata .

    ResponderEliminar
  6. Olá! :D
    Não se se entendi bem, mas penso que gostaria de uma sugestão de um segundo nome para Vitório... Assim rapidamente, posso referir:

    Vitório Andreo ou Vitório Giani(versão mais internacional)
    Vitório Edgar
    Vitório Emílio
    Vitório Gabriel
    Vitório Rafael
    Vitório Xavier

    Vou tentar pensar em mais durante o dia, ok?

    ResponderEliminar
  7. o post de Kate Bee me deixou curiosa... Qual Henry? Henry VIII da Inglaterra ou um Henry que ela conhece mesmo?

    ResponderEliminar
  8. Isabela do Brasil (de novo!)2 de abril de 2011 às 13:22

    Quer dizer,comentário...

    ResponderEliminar
  9. re-lendo minha entrada, compreendo a tua confusão Isabela! O único Henrique que conhecia era português e bem rufia, e por isso faço uma associação menos agradável com o nome. É triste, porque gosto bem do som do nome. Tenho que conheçer mais Henriques queridos para apagar a memória!

    ResponderEliminar

Com tantos nomes à escolha, vai mesmo ser apenas Anónimo? :)