Os nomes com Y - Sim ou Não?

5.6.16


No final de Março, aquando da última atualização da lista de nomes aprovados em Portugal, ficamos a saber que Alonso e Liam passam a integrar a lista masculina e que Aisha, Evelin, Evelyn, Luara, Sahara e Surya integram a feminina. 
Anteriormente, já era possível registar os nomes Aixa e Suria e também tínhamos à disposição Eveline, o que demonstra a enorme abertura que existe face à letra Y por parte de quem está responsável pela aprovação dos nomes, possivelmente à conta da entrada em vigor do novo Acordo Ortográfico. Vejamos aliás a listinha de nomes com Y passíveis de registo no país: 


Meninas

  • Evelyn
  • Kelly
  • Kyara
  • Lucy
  • Mayara
  • Nancy
  • Nely
  • Surya
  • Yara
  • Yasmin
  • Yolanda
  • Zamy

Meninos
  • Ary
  • Bryan
  • Ruby
  • Yuri


E se há uns tempos perguntei aqui o que achavam do uso da letra K [e que ótima discussão se deu ali!] hoje repito o formato da questão: o que pensam do uso do Y? Acham que o Y poderá começar a ter impacto nas escolhas dos portugueses? Que nomes com Y gostariam de ver aprovados num futuro próximo? Não se esqueçam de votar! 

Atualização - resultado da sondagem:


28 comentários :

  1. Nao gosto. Eu que nasci e vivo num país de língua inglesa, e ainda prefiro nomes sem Y (Brian, Ari, Eveline, Chiara...)

    ResponderEliminar
  2. Assim como achava para o K, penso o mesmo para o Y. Havendo o "i", prefiro ver uma grafia aportuguesada dos nomes. Continuarei a preferir uma Cátia a uma Katia e uma Suria a uma Surya. Acho até especial que tenham a grafia aportuguesada, aquela que nos permite apenas lendo o nome extrapolar de onde a pessoa vem. Cada vez há mais internacionalização, mas nisto continuo a achar especial que haja conotação à origem. Ponderei para o meu filho o nome Ari, e sempre pensei em Ari, nunca em Ary.

    ResponderEliminar
  3. Se eu gostasse de um nome em questão, usá-lo-ia. No caso, nenhum dos meus nomes favoritos têm y.

    ResponderEliminar
  4. Neste mundo até as letras sofrem de preconceito, impressionante.
    Para mim Y é uma letra como outra qualquer! Não percebo, juro que não percebo, qual é o problema com as letras. Ainda bem que a pessoa que está por trás da aprovação de nomes resolveu ter uma mente mais aberta. Não é português, blá blá... Agora já é. O mundo evolui, ponto final! As pessoas ou evoluem também ou ficam paradas no tempo. Ou abrem as mentes, ou as mantêm fechadas. Só isso.
    Filipa, até acho mais impressionante a aprovação de Aisha e Chloe, porque sh e ch não estão no acordo... Ao que me parece, com o tempo, vai poder-se registar qualquer nome em Portugal, desde que seja um nome válido, não me parece que exista mais qualquer critério de português ou aportuguesado.


    ResponderEliminar
  5. Não tenho nada contra a letra Y em si, simplesmente nuns nomes gosto de ver, noutros não.

    Dessas listinhas, e esquecendo o facto de gostar ou não dos nomes, os que prefiro com Y são: Evelyn, Kelly, Lucy, Mayara, Nancy, Yara, Yuri, Yasmin e Zamy. Acho que com I perdem a piada.

    Os que prefiro com I são: Kiara, Brian, Neli e Suria.

    Os nomes que não citei (Yolanda, Ary e Ruby) são-me indiferentes quanto à grafia, ou seja, acho-os bons tanto com Y como com I (ao contrário dos outros em cima, que só acho bons de determinada maneira, ou com Y ou com I).

    No caso de Ary/Ari, prefiro com "i", é um nome que adoro. E gosto muito de Yuri!

    ResponderEliminar
  6. Esta é uma daquelas votasções em que seria interessante saber o resultado por país, tenho a impressão que o voto dos leitores portugueses e brasileiros será muito diferente. :)

    Não usaria um nome com Y, mas em nomes anglófonos prefiro a versão com Y do que a 'aportuguesada' (Yara/Iara, Nancy/Nanci, etc.). Também prefiro Evelyn a Evelin, mas gosto ainda mais de Eveline.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Iara/Yara é um nome de origem brasielira, indígena. Como Tupi é uma língua ágrafa, não vejo muita diferença entre Maiara/Mayara, Iara/Yara, mas, particularmente, prefiro as versões com "i".

      Eliminar
  7. Eu não tenho problemas com nomes que originalmente incluam a letra Y, como Lucy, Evelyn, Nancy, Kelly... Mas também há outros que prefiro com I como Suria.
    Fiquem surpreendida de ver Ruby na lista masculina porque para mim é totalmente feminino.
    Outros nomes que gosto com Y (se bem que tenho as minhas dúvidas sobre o seu uso em Portugal) são:

    Feminino:
    Audrey
    Lily
    Lyra (Um dos poucos nomes que prefiro com Y; Lira parece-me esquisito)
    Naya
    Zoey
    Bellamy

    Masculino:
    Cody
    Dylan
    Hayden
    Hayes
    Ryan

    ResponderEliminar
  8. Não tenho nenhum problema com nomes que tenham originalmente a letra Y como Lucy, Kelly, Evelyn, Nancy... Contudo, há outros que prefiro com I como Suria.
    Acho que depende do nome e da situação (descendência, país, apelido, ect.)
    Outros nomes com Y de que gosto (apesar de ter dúvidas se são usáveis em Portugal:

    Audrey
    Bellamy
    Lyra (eu sei da existência de Lira, mas este é daquele que prefiro com Y)
    Naya (Também gosto de Naia)
    Lily
    Zoey

    Cody
    Finley
    Hayden
    Hayes
    Ryan

    ResponderEliminar
  9. Confesso que sou apegada às grafias tradicionais, apesar de acreditar que a escolha dos pais deve ser respeitada. Desde criança que adoro Lucy e Yolanda (sem dúvida graças à literatura infanto-juvenil) e não acho estranho ver uma Nancy ou uma Evelyn (que, até há umas décadas atrás, era um nome masculino!). Uma Vyctoria ou Vitorya... já acho desnecessário. Uma Viiktórya, então, nem se explica... (não é, Luciana Abreu?)

    Acrescento só que, no que toca à grafia, acho que existem grafias arcaicas que seria interessante reavivar (sendo admitidas) ou recuperar (não constando na lista), como é o caso de Lianor (para desenjoar da super-popular Leonor).

    ResponderEliminar
  10. oi, Filipa! Te enviei um e-mail, vc não responde por lá? obrigada! Beijos :)

    ResponderEliminar
  11. Um dos meus nomes preferidos é Olímpia, nesta grafia, mas também gosto de o ver escrito Olympia.

    ResponderEliminar
  12. Cara Pilar, estou inteiramente de acordo! Adoro Olímpia, e a grafia inglesa também é muito bonita =)

    Olímpia é uma daquelas raridades que encerra as delícias todas: um dos nomes mais antigos do mundo ainda em uso, que remete tanto para a mitologia como para a história, com uma localização geográfica (para quem está a pensar numa irmã para Florença ou Siena), com "pedigree" para quem gosta dos nomes aristocráticos e tão pouco usado que satisfaz quem gosta de nomes pouco usuais com energia. Não me canso de Olímpia! =3

    ResponderEliminar
  13. Gosto de Yulia!
    Minha irmã chama-se Pryscilla, acho que o y trouxe simetria ao nome... e eu, particularmente, gosto. Só não gosto de nomes vulgarizados com muitos y e k, prefiro o mais simples possível.

    ResponderEliminar
  14. :) Eu respondo sempre aos emails, mas neste momento ainda estou a responder aos emails chegados no início da semana anterior! :(

    ResponderEliminar
  15. Salvando-se algumas exceções (como Kelly, que para mim fica super estranho sendo Kelli), eu realmente prefiro os nomes com I, para os países de língua portuguesa esse "forçar de barra" de americanizar os nomes colocando Y é horrível.

    ResponderEliminar
  16. Sendo Portugal um país inserido num mundo cada vez mais globalizado, não acho nada mal que se adoptem as letras "estrangeiras"- como já mencionaram os casos de kelly ou lucy ficariam estranhos sem o y, pois são nomes que costumam ser vistos na língua inglesa. Na minha opinião, aportiguesar a grafia só porque sim é de um nacionalismo bafiento... Além disso, a grafia também tem um aspecto estético a considerar e nesse aspecto terminar em y dá um ar mais completo ao nome, na minha opinião, do que terminar em i (entre rui e ruy, ruy é muito mais interessante de se ver escrito). Por fim, a existência de um y e não de um i, para mim, também pode dar alguma entoação diferente ao nome - por exemplo lucy leio com a acentuação no u, mas luci leio com a acentuação no i, por muito errado que seja.
    Posto isto, quando se usa o y e o k (ou o w) para ser moderno, sem que haja qualquer ligação a alguma grafia estrangeira, acho um bocado "pimba", mas isso é só a minha opinião :) não acho que deva ser proibido.
    Já agora, se o nosso Isaac tiver um irmão será um Ary :)

    ResponderEliminar
  17. Só pra dizer que a minha mãe se chama Olímpia e vou mostrar-lhe os vossos comentarios, porque se alguem lhe perguntar qual é o nome mais feio do mundo ela diz sempre que é o dela!

    ResponderEliminar
  18. Pessoalmente não gosto de nomes com a letra Y, mas acho muito positivo que já sejam aceites.

    ResponderEliminar
  19. Lembrei-me de mais um nome que prefiro com Y e que podia passar a admitido: Layla! Adoro. Com I acho que perde um pouco a piada, mas continuo a gostar. Amo o par Aisha & Layla.

    ResponderEliminar
  20. Não gosto do Y e ao tentar explicar esse meu desagrado, percebo há um certo conservadorismo da minha parte. Continuo a preferir nomes sem Y, mas também acho excessivo uma Kelly se tornar Queli...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. TEM NOMES QUE FICAM BONITOS COM "Y". POR EXEMPLO: YASMIN

      Eliminar
  21. Um dos meus nomes favoritos é com Y e com I ia perder toda a sua piada, Yasmin.Eu pessoalmente gosto de poucos nomes com Y mas acho que ficam melhor com Y do que com I eu é que não lhes acho graça. Nos casos de iuri e iara perfiro com I! Gosto também muito de Evelyn e de Bryan. Kelly e Nancy são nomes que se tirar o y ficam muito esquesitos.Os restantes nomes são-me indeferentes as grafia até pq não gosto deles seja com que letra for

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. CONCORDO INTEIRAMENTE.POR EXEMPLO: PRISCILLA. GOSTO COM "I".

      Eliminar
  22. Sem dúvida, noutras línguas há certos nomes que ficam esquisitos com "I" em vez de "Y" - como por exemplo Henry, o meu nome inglês favorito para rapaz - e é evidente que os nomes portugueses com "Y" são novidade. Pode ser que mude... Como se diz, primeiro estranha-se, depois entranha-se =) Ainda assim, fiquei surpreendida com o resultado na votação: pensei que seria mais renhida, ou que o "Sim" ganharia. Como seria se a votação fosse por país?

    ResponderEliminar
  23. Sei lá porque cargas d'água até meados do século passado no Brasil houve uma enxurrada de nomes de origem tupi-guarani. Habitualmente grafados com Y. e nessa fui aquinhoado com nome de um falecido tio : Ocacyr. Curioso que já me deparei com tão inusual nome ( doutros, que como eu, já passamos dos 60. Nomes com Y eram de 'velhos'. Agora , por aqui, é quase obrigatório, não adianta brigar.

    ResponderEliminar

Com tantos nomes à escolha, vai mesmo ser apenas Anónimo? :)