Nomes proibidos no Brasil

18.4.11

Afinal, nem tudo são rosas na hora de registar um bebé no Brasil. De acordo com esta notícia, passaram-se nove meses até que um casal conseguisse registar a filha como Amora - o argumento contra era que atribuir a uma criança um nome de fruta era "vexatório" e podia ser associado a Marmota (o que dizer de Carlota?!). Os pais, pelo seu lado, argumentavam que o nome era simplesmente carinhoso: "a gente brincava que Amora era o feminino de amor. Também gostamos da sonoridade, da sensibilidade do nome".

21 comentários :

  1. Não acho que Amora é vergonhoso.Nunca ouviram falar da Amora Mautner?

    ResponderEliminar
  2. Até parece inacreditavel..Lá aceitam os nomes mais absurdos, Amora ao pé de alguns que ja tive oportunidade de ver, é um nome lindoooooo!
    La aceitam coisas como Maicon Jaqueson, Hindianajones, Mac Donald... Foi de certo alguem do cartório que estava num dia mau...Bem e eu já não gostava de Carlota e então depois desta .....
    :-)

    ResponderEliminar
  3. Coloquei a notícia exactamente por se referir a um nome que até é admitido em Portugal!
    Pelo que percebi, houve uma febre de "mulheres-fruta" no Brasil (mulheres de bumbum grande): Mulher Melancia, Mulher Moranguinho, Mulher Melão... Talvez o senhor do registo não gostasse de Funk e não quisesse que a bebezinha fosse a próxima Mulher Amora :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não gosto do seu tom ao se referir ao Brasil! Você, ao que representa aqui, não conhece nada da nossa cultura e não tem a mínima idéia do que está falando. Sinto "vergonha alheia" lendo seus comentários sobre o BRASIL. Nosso país é imenso, continental, como pode você julgar e fazer esses tipos de comentários, nos ridicularizado, como se conhecesse o nosso país? Saiba que vcs portugueses devem tudo a nós. Nos tiraram o que tínhamos de bom, e nos trouxeram só lixo! Tudo o que temos de ruim devemos a vcs, obrigada!

      Eliminar
  4. Adorei a sua explicação, rs...

    foi a mais óbvia que pude conhecer até hj sobre esse assunto.

    Mulher Amora, rs...

    :)

    ResponderEliminar
  5. Concordo com a proibição. Quer colocar um nome que tenha relação com amor, coloque Amanda. Ou qualquer outro... Amora é fruta, é vexatório e a criança poderia ter problemas no futuro. Eu odiaria chamar Amora. Imagina colocar um nome da filha de Laranja ou Morango, Ana Banana? É a mesma coisa.

    ResponderEliminar
  6. Me chamo Carmem e adorei esse blog,
    estou pensando em engravida e gosto muito de Clarice e Olavo fale o que souber deles desde ja agradeço...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nome muito bonito. Boa escolha!

      Eliminar
  7. Meu nome leopoldina ii nao gosto desse nome...concordo proibir nomes estranhos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente nome muito feio! Deviria proibrir

      Eliminar
  8. Leopoldina é um pouco forte, não é? :D

    Carmem, já fiz um post sobre Olavo, pode consultar aqui:
    http://nomesportugueses.blogspot.com/2012/04/nomes-do-dia-olavo.html

    ResponderEliminar
  9. KKKKKKKK nunca tinha associado Amora às mulheres-frutas! tô rindo muito aqui!! =D
    Sinceramente, não acho Amora dos mais feios. Já vi coisas bem piores e os cartórios deixaram passar... =/

    ResponderEliminar
  10. Amora e um nome muito bonito mais e nome de fruta e isso fica meio feio pra crianca mais fz oq ne todo mundo tem seu gosto.

    ResponderEliminar
  11. Eu me chamo stefani eu adoro o meu nome mas amora e feio de mais

    ResponderEliminar
  12. Não existe regra para proibição de nomes próprios no Brasil, por isso nomes são permitidos e outros proibidos, de acordo com o bom ou péssimo raciocínio de quem os aprova.

    ResponderEliminar
  13. Pelo que entendi da notícia, o problema não foi o nome Amora, mas a combinação Amora Motta. Dou toda razão ao cartório. A solução foi inverter os sobrenomes Amora Lopes Motta.

    ResponderEliminar
  14. O problema não foi o nome, mas sim o SOBRENOME. Na notícia até diz que Amora Motta poderia ser confundido com "a marmota", o que levaria a menina a sofrer bullyng.

    ResponderEliminar
  15. Ellen, lamento que tenha percebido isso tudo num comentário tão inofensivo. Na verdade, parece-me que o seu comentário é bem mais digno de vergonha alheia. Ao longo dos seis anos de bblog, tenho feito imensas referências ao Brasil, sempre com o maior respeito e do prisma de quem quer aprender mais sobre uma cultura diferente e nunca como especialista de um país que nunca visitei.

    ResponderEliminar

Com tantos nomes à escolha, vai mesmo ser apenas Anónimo? :)