Filhos dos famosos - Atlas Noa & Pedro

em 12/11/19


  • Atlas Noa, filha de Shay Mitchell [na foto]. A atiz  é também influeencer e trabalha conteúdos relacionados com viagens.
  • Pedro, filho de Inês Patrocínio, que já era mãe de Alice. O menino recebeu o nome do pai. 

De momento, Atlas é aprovado em Portugal como nome masculino.  

9 comentários:

  1. Noa até passa, mas Atlas? Eu já penso logo em mapas!É menino ou menina? Com esse nome não dá para saber e isso me incomoda.
    Já Pedro e Alice, muito comum...meio batido já...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É uma menina. E sim, Atlas é mais nome de rapaz.
      Pedro é nome de família, logo não é de estranhar.

      Eliminar
  2. Gosto muito do par Alice & Pedro

    ResponderEliminar
  3. O filho da Inês Patrocínio é Pedro em homenagem ao pai, Pedro Rocha e Melo. A companheira do cantor Diogo Piçarra também anunciou o nome da bebé: vai ser uma menina e vai chamar-se Penélope!

    ResponderEliminar
  4. As irmãs Patrocínio decidiram todas atribuir os próprios nomes aos filhos. Aconteceu com a Carolina, cuja filha mais nova tem o mesmo nome. Repetiu-se com a Mariana, também com a terceira filha e agora, com a Inês, sendo que o bebé recebeu o nome do pai. Não admiro, particularmente, esta prática. Mas são gostos e opções. Gosto de Alice.

    ResponderEliminar
  5. Gosto de ouvir um nome e entender qual o seu género. Não é o caso de Atlas, nem Noa, para mim. Não sei como será nos países onde são registados estes nomes, se têm género definido. E , só por isso descarto. Pedro, já não há mais nada a dizer do nome, está mais que estudado mas, entendo a opção de dar o nome do pai. Alice, como tinha dito já noutras publicações, não me conquista minimamente. Não gosto mesmo.

    ResponderEliminar
  6. Quando li o título "Atlas Noa & Pedro" pensei que faltasse uma vírgula entre Atlas e Noa :P Isto para dizer que juntos, como composto, me soa estranho.

    Adoro Atlas e sempre o vi como nome masculino. Não me incomoda vê-lo como feminino, continuo a gostar. "O Atlas", "A Atlas", soam-me igualmente bem :)

    Também não me faz qualquer confusão que não seja claro o género da criança - seja pelo nome, seja pela aparência, não me incomoda -, mas o que não gosto no composto é mesmo a sonoridade dos dois nomes juntos. Talvez um 2º nome mais longo e com sons mais "abertos" e não tão fechados como Noa? Filipa, aqui fica a sugestão para um possível futuro post: Sugestões de 2º nome para Atlas :)

    Quanto a Pedro, honestamente já não posso com o nome, são demasiados x) E também não gosto de repetições de nomes entre pais e filhos, mães e filhas. Há casos em que, por exemplo, a mãe tem um 2º nome que nunca usa, e passa-o como 1º nome para a filha. Aí não me faz tanta confusão mas mesmo assim não gosto, prefiro sempre ver um nome único (e original de preferência) para cada membro da família :)

    ResponderEliminar

Com tantos nomes à escolha, vai mesmo ser apenas Anónimo? :)